A vida escolar no Canadá

O sistema de ensino canadense é considerado um dos melhores do mundo. Não existe um departamento federal ou sistema nacional de educação, as províncias administram e regulam seus sistemas educacionais, que são geralmente semelhantes em todo o país, mas existem algumas variações. 

As crianças têm acesso ao sistema público de ensino a partir dos cinco anos, com exceção da província de Ontário que, a partir dos quatro anos, já podem começar a vida escolar no Kindergarten (Jardim de Infância). Antes disso, há as creches (Daycare, em inglês, e, Garderie, em francês) que normalmente aceitam bebês a partir dos seis meses e as pré-escolas (Preschool), que acolhem crianças entre dois e cinco anos. Porém, a chamada educação inicial é paga e a frequência não é obrigatória. 

Ao todo, a educação básica canadense, que vai até o ensino médio (High School), possui entre 11 e 13 anos de estudos, variando de acordo com cada província. 

Creche e Pré-escola (Daycare/ Preschool): a chamada educação inicial é para crianças menores de cinco anos e é paga. Inclui creche (Daycare) e/ou pré-escola (Preschool). 

Há dois tipos de daycare: a “home”, que é um tipo de creche familiar que funciona em uma residência, onde há geralmente duas cuidadoras para até oito crianças. É mais indicada para crianças menores e bebês que precisam de um cuidado mais individualizado. A idade mínima de entrada pode variar de um local para o outro, entre dois e 18 meses. A idade limite também varia, principalmente, de acordo com a estrutura do local, podendo ser até três ou cinco anos.

O outro tipo de daycare é o que funciona em centros e que comportam mais crianças. Elas podem ser separadas em grupos, de acordo com a idade. Podem iniciar nesses centros bebês que têm entre seis semanas e 18 meses até crianças com cinco anos. 

Há ainda as chamadas pré-escolas (Preschool). São para as crianças com idades entre dois anos e meio e cinco anos. Nestas instituições consideradas como preparatórias para a entrada na escola já são destinadas mais atividades aos pequenos como aulas de música, artes, atividades físicas, além da introdução do ensino do inglês ou francês. 

Geralmente as creches e infantários funcionam das 7h às 17h. Há a possibilidade da criança ficar meio período ou em período integral. Caso seja necessário que a criança fique mais tempo além do horário regular, é preciso pagar hora extra. 

Jardim de Infância (Kindergarten): o jardim de infância é um programa normalmente com duração de um ano oferecido em todas as províncias do Canadá para as crianças que completam cinco anos. Em Ontário, as crianças  iniciam aos quatro anos e a escola primária inclui dois anos de Jardim de Infância – Jardim de Infância Júnior (JK) e Jardim de Infância Sênior (SK). Apesar de ser oferecido e subsidiado pelo governo, a criança não é obrigada a frequentar o jardim de infância se não for a vontade dos pais. 

Escola Primária/ Ensino Fundamental (Elementary School): o ensino primário normalmente vai da 1ª à 8ª série (6 aos 14 anos). Também pode variar de província para província. É nessa faixa etária que começa a obrigatoriedade de se frequentar a escola, que é em período integral. Em algumas províncias, o ensino fundamental vai até o 5° ano. E, do 6° ao 9° ano, chama-se Middle School (ou Junior High School.) 

Ensino Médio (Secondary ou High School): o ensino médio normalmente vai do 9º ao 12º ano (14 aos 18 anos). Termina no 12º ano em todas as províncias, exceto em Quebec. Em Quebec, após a 11ª série, os alunos seguem para um programa pré-universitário. 

Após a graduação no ensino médio, o aluno pode ir para um college ou uma universidade. A diferença é que os colleges são mais focados em carreiras e voltados ao mercado de trabalho. Já as universidades seguem programas focados em áreas acadêmicas. 

Calendário escolar – O ano letivo começa em setembro e termina em junho. Ao longo desse período, há o Winter Break (férias de inverno) nas últimas duas semanas de dezembro. Há o Spring Break (férias de primavera) de duas semanas no início da estação e o Summer Holidays (férias de verão) nos meses de julho e agosto. Há também os chamados Pro-D Day (Pro Development Day) que são treinamentos dados aos professores e, nesses dias (geralmente às sextas-feiras), os alunos não têm aula. Lembre-se que as datas desses breaks e também do Pro-D são fornecidas pelas escolas e podem variar de acordo com cada instituição.

Horário – O horário escolar é das 9h às 15h. Para os responsáveis que precisam trabalhar ou estudar em horário integral, é necessário colocar a criança nos chamados Child Care (que podem ser BEFORE – antes das 9h; AFTER – depois das 15h). Os Child Care são bem concorridos, portanto é preciso se programar com antecedência para conseguir vaga. São pagos e os valores variam dependendo da região.

Aprender em outra língua – As escolas públicas no Canadá estão muito bem preparadas para receber as crianças estrangeiras que ainda não dominam o inglês ou o francês. Esses alunos são tirados de suas classes em média quatro vezes por semana para aulas extras, onde vão interagindo aos poucos com o novo idioma. Além disso, o próprio contato diário com os colegas e professores, e a facilidade das crianças em absorver novas informações, fazem com que esse aprendizado aconteça bem rápido e naturalmente. Uma vez que o Canadá é um país bilíngüe, escolas de língua inglesa e de língua francesa estão disponíveis em todo o país (mesmo em áreas onde uma língua é mais comumente falada do que a outra).

Uniforme e alimentação – As escolas públicas não pedem uniforme e não oferecem almoço. Os alunos usam suas próprias roupas e levam de casa seus lanches e almoços. Algumas escolas oferecem um almoço pago todos os dias ou alguns dias da semana, irá depender realmente da região que você morar.

Taxa escolar – No início do ano letivo as escolas pedem uma taxa para agenda e material básico. É um valor baixo e bem acessível. Ao longo do ano letivo, as crianças participam de passeios chamados Field Trip, e geralmente a escola pede uma contribuição para pagar o transporte. Porém, se alguma família não puder realmente pagar esses valores que a escola solicita, basta conversar com a direção e eles a isentam.

Subsídios – Subsídios financeiros estão disponíveis para algumas famílias, com base na necessidade. As decisões são com base nas regras de elegibilidade e no teste de renda, esses variam entre as províncias. É recomendado procurar os conselhos escolares para ter acesso às informações e à documentação necessária para fazer sua solicitação.

Residentes temporários têm direito a escola gratuita para seus filhos?

– Todos os filhos de residentes têm direito a educação pública. Isso inclui filhos de pais que estão com visto de trabalho (work permit), refugiados e imigrantes.

– Estudantes internacionais matriculados em cursos em tempo integral podem matricular seus filhos em escolas públicas canadenses. As regras e particularidades para esse benefício dependem da província de destino. 

Como matricular o seu filho? 

O órgão que coordena todo o sistema educacional na província se chama School Board. Cada região tem o seu próprio, ou seja, se você mora, por exemplo, em Vancouver, deve se reportar ao Vancouver School Board. Porém, se mora em Burnaby (cidade ao lado de Vancouver) já será o Burnaby School Board. Há muitas escolas em cada região e o estudante é alocado de acordo com seu endereço residencial. O School Board é quem determina a escola onde a criança irá estudar (baseado no endereço) e a série (baseado no ano de nascimento). 

Passo a passo para realizar o processo de matrícula:

1. Procurar online o endereço da School Board da sua região e ir lá pessoalmente.

2. Levar os seguintes documentos:

  • Comprovante de residência no Canadá (pode ser Contrato de
    Aluguel)
  • Passaporte dos responsáveis e da criança
  • Documento oficial do status no Canadá dos responsáveis e da criança
    (Work Permit /Study Permit)
  • Certidão de nascimento da criança (original e traduzida)
  • Histórico Escolar (original e traduzido)
  • Carteira de Vacinação (apenas original)

Importante: a tradução dos documentos deverá ser feita por um tradutor juramentado (no Brasil ou no Canadá). Caso prefira fazer a tradução no Canadá, no próprio School Board indicam uma lista de tradutores oficiais da província. Lembre-se que estes são os documentos padrões, o School Board poderá pedir documentos extras sem aviso prévio.

Dependendo da idade da criança, o School Board poderá marcar um dia para aplicar uma prova de inglês e outra de matemática. Nesse dia, o School Board poderá fazer uma apresentação de slides para os responsáveis de como funciona o sistema educacional.

Após a entrega de um documento oficial do School Board com o nome da escola e a série (grade) do aluno, os responsáveis devem se dirigir à escola para que seja feita a matrícula da criança. Caso não haja vaga (o que pode acontecer dependendo da época do ano letivo), a escola fará a transferência para uma escola mais próxima. 

Alberta

Nessa província, os pais que têm study permit – para cursos full time de um ou dois anos de duração, no mínimo – ou que têm work permit podem matricular seus filhos em escolas públicas. Talvez seja necessário pagar taxas de transporte, livros e/ou materiais de artes, no valor de, aproximadamente, $100 por ano. Mas, ainda há a possibilidade de solicitar ao conselho escolar a isenção dessas taxas. 

Esse arquivo https://alis.alberta.ca/pdf/cshop/welcometoalberta.pdf tem informações importantes para newcomers em Alberta e isso inclui detalhes sobre o sistema educacional da província.

Mais detalhes no site oficial sobre o sistema educacional em Alberta: https://education.alberta.ca/

Você pode acessar esse link: https://education.alberta.ca/alberta-education/school-authority-index/everyone/alberta-schools/ para encontrar informações sobre escolas e conselhos escolares na província. 

British Columbia

Menores de cinco anos têm acesso à escola gratuita caso um dos pais tenha study permit e esteja fazendo curso de dois anos em tempo integral. Caso a duração do curso seja inferior a esse período, o cônjuge deve ter work permit válido e contrato de pelo menos dois anos para trabalhar em tempo integral. 

Para crianças menores de cinco anos de idade, existem programas de aprendizagem gratuitos nas escolas denominadas StrongStart BC. Pais e filhos frequentam esses programas juntos, onde as crianças aprendem habilidades importantes através de atividades lúdicas e os pais obtêm informações sobre como ajudar seu filho a aprender. 

Para ter acesso a mais detalhes sobre o sistema educacional em British Columbia, é só acessar o link: www.gov.bc.ca/bced. Uma lista completa com as escolas da província encontra-se nesse site: http://www.bced.gov.bc.ca/apps/imcl/imclWeb/Home.do

Manitoba

As escolas públicas operam diretamente sob a tutela do Ministro da Educação da província e são financiadas por uma combinação de financiamento provincial direto e tributos especiais. Todos os cidadãos canadenses e imigrantes que residem com pai ou responsável legal, em Manitoba, têm o direito de frequentar escolas públicas sujeitas a regulamentações provinciais. 

É recomendado procurar o conselho escolar mais próximo à sua residência para obter informações detalhadas sobre o processo de matrículas. No link http://www.edu.gov.mb.ca/k12/schools/sb_contacts.html é possível encontrar endereços e contatos desses conselhos. O governo disponibiliza ainda um guia para orientar melhor os pais sobre o sistema educacional local e incentivá-los a participar da vida escolar de seus filhos: http://www.edu.gov.mb.ca/k12/mychild/index.html

New Brunswick

Educação, desde o jardim de infância até a 12ª série, é gratuito para todos os residentes de New Brunswick, isso inclui os filhos de residentes temporários com study ou work permit. Para registrar uma criança na escola na província, você deve entrar em contato com o distrito escolar local. Para descobrir qual a escola mais próxima do seu endereço, acesse o site: http://www2.gnb.ca/content/gnb/biling/eecd-edpe.html.  

O site oficial do governo de New Brunswick com mais detalhes sobre o sistema educacional da província é: http://www2.gnb.ca/content/gnb/en/departments/education.html

Nova Scotia

Em Nova Scotia, a maioria dos moradores frequenta escolas públicas, começando na idade de 5 anos. Depois da escola primária, os jovens frequentam as séries 7 a 9 em uma escola secundária e no ensino médio para as séries 10 a 12.  As escolas públicas funcionam por cerca de 5 horas por dia, mas os horários variam entre as escolas e os níveis. O ensino pode ser em francês ou em inglês, mas a maioria das escolas da província é primeiramente inglês, sendo possível a imersão em francês. 

Você pode registrar sua criança na escola local ou no escritório regional do conselho escolar. É importante fornecer toda a documentação possível sobre a educação do seu filho fora do Canadá. Isso ajudará a colocá-los em um nível de aprendizagem adequado para eles. Um recurso útil é o Newcomers ‘Guide to Nova Scotia Schools. Um guia feito pelo governo da província exatamente para orientar os pais nessa questão escolar.  https://novascotiaimmigration.com/wp-content/uploads/2013/03/Newcomers-Guide.pdf

Ontario

Para matricular seu filho, é necessário entrar em contato diretamente com a escola do seu bairro ou se tiver dificuldades, ir ao Conselho Escolar da cidade (School Board) e pedir uma carta de admissão (School Admission Letter).

Você encontra a lista dos conselhos escolares de Ontario nesse link: http://www.edu.gov.on.ca/eng/sbinfo/boardlist.html. A província disponibiliza guias em vários idiomas para ajudar os pais durante o período escolar dos filhos. O link para os guias em português é esse: http://www.edu.gov.on.ca/eng/parents/multiLanguages.html#portuguese.

Prince Edward Island

A educação é gratuita para todos os residentes na província de Prince Edward Island, desde o jardim de infância até a 12ª série. É importante lembrar que, devido ao tempo que leva para aprender uma nova língua, alguns alunos recém-chegados podem não ser capazes de se formar com mesma idade dos demais. Depende do nível de inglês e/ou francês de cada aluno no momento da chegada ao Canadá.

O primeiro passo para matricular um estudante imigrante no sistema escolar é procurar o conselho escolar do seu bairro. Eles irão te orientar sobre a documentação necessária e a política escolar local. 

Acesse o site do Conselho Escolar de PEI para mais detalhes: http://www.gov.pe.ca/edu/psb/

Quebec

Se o seu filho vai frequentar a escola primária ou secundária no Quebec, ele vai precisar de um CAQ e Permissão de Estudo antes de entrar no Canadá. Se ele está indo para o jardim de infância ou creche, ele pode simplesmente ir para o Canadá como visitante. No sistema de ensino público do Québec – educação pré-escolar, primária e secundária – não há taxas escolares, até o material didático e os manuais são gratuitos. 

O registro na escola pode ser feito quando você chegar à província, onde o ensino fundamental e médio é governado por conselhos regionais de escolas. Os pais devem entrar em contato com o conselho escolar apropriado para descobrir onde a escola mais próxima está localizada e obter informações sobre os procedimentos de registro. Para mais informações sobre os conselhos escolares do Quebec, acesse: http://www.education.gouv.qc.ca/en/school-boards/.

Para mais detalhes, acesse o site oficial do Ministério da Educação e Ensino do Quebec: http://www.education.gouv.qc.ca/en/ 

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Deixe um comentário

Chat via Whatsapp
Send via WhatsApp